quarta-feira, 14 de julho de 2010

T.E.L.E.V.I.S.Ã.O


Eu amo assistir televisão! Não sei se conseguiria viver sem!” Ouvi esse “absurdo” esses dias de um amigo no msn, e resolvi me submeter a 2 dias INTEIROS sem assistir a tal TV. Percebi que, realmente, ela exerce um poder absurdo nas nossas vidas. Nossa, como é gostoso chegar em casa, tomar um belo banho e correr para o sofá assistir televisão; parece que ver desgraça alheia nos alivia, nos leva a pensar, “é, tem gente pior que eu”. Ficamos ali na frente dela como cães sedentos por um belo pedaço de bife, a coisa é séria minha gente...É viciante!


No primeiro dia da experiência, o tédio me agarrou e me prendeu em seus braços, parecia que ia me consumir sem piedade alguma, (quanta hipérbole) fiquei procurando algo para me distrair e parecia que não existia mais nada legal pra fazer a não ser assistir televisão. Após algumas horas (10min) de agonia, respirei fundo e decidi, vou ler um livro. Certo, escolhi um dos meus poetas favoritos (Manuel Bandeira) e comecei a ler, aquilo foi me dando um sono desgraç[piiiiiiiiiii], minhas pálpebras pesavam que nem chumbo. (Chega!) Levantei-me da cama e fui em direção a minha sala, passei por ela impávida e forte, nem sequer a olhei pra não correr o risco, cheguei a cozinha, preparei um belo sanduíche e o devorei sem dó nem piedade.


De barriga cheia...e agora, o que vou fazer? Já sei! Vou tentar dormir um pouquinho, (pensei) deitei na cama e não sei o que aconteceu comigo, parecia que todas as formigas do mundo estavam ali, na minha cama, eu não parava quieta. Me Levantei. (Oh dia longo meu Deus!) Meus pais e irmã chegaram, pensei comigo, graças a Deus vou ter pelo menos com quem conversar. Me decepcionei quando todos colocaram sua comida no prato e foram pra onde? É isso ai, fui trocada pela bendita (maldita) televisão.


É fato meus amigos, eu testei e comprovei, a tal televisão é mesmo algo vital agora. Não precisamos nos preocupar quanto a nossa vida sentimental porque, "Vai dar namoro"; todos nós um dia seremos "Idolos", “Viver a vida” virou novela, "Hoje em Dia" tudo é flash mas, "Custe o que custar", “a gente vai se ver na globo”! E eu juro pra vocês, que outro dia, o gordo da TV me mandou um beijo! A verdade é que tudo isso é incrivelmente legal mas, “YES WE CAN” viver sem televisão sim. Eu sobrevivi, com algumas seqüelas (aquele jogo era imperdíveeeel), mas nada que me causasse traumas permanentes....


Enfim, o que eu aprendi nessa história toda é que perdemos muito tempo e muitas experiências diárias na frente da TV, não desfrutamos mais da presença de nossos familiares, amigos, pessoas...o mesmo eu digo a respeito da Internet. É legal? Sim. Mas não é a única forma de se manter informado e por dentro dos assuntos, não limite a sua mente, o seu cérebro, permita-se apreciar e viver a vida intensamente e constantemente, televisão é relaxante, cativante, envolvente, ai...(tô estérica) mas VEJA COM MODERAÇÃO, não deixe que ela domine vc, suas idéias, te influencie ou algo do tipo...Somos seres pensantes, ("Cogito, ergo sum!") temos o CONTROLE da vida em nossas mãos!






Glenda Barros

12 comentários:

Caroliny disse...

Ué, nenhum comentário por aqui ???
Acho que você está causando terror neghuinh, kkkk...

Mais digo lá: Esse graças a aDeus não é um mal que me prende!
Talvez um cineminhaaa.... hehehehehe

Beijoca
Boa sorte com os contos !!!
Lovu =*

Soli Limberger disse...

Olha só preta!

Antigamente se fazia "jejum" de comida. Bom, além de sexo, não existia nada mais interessante pra fazer do que comer, pelo menos naquela época.

Hoje, no entanto, temos a TV, a Net, os Carros, os Games, o MacDonalds, o Ovomaltine, o Sexo, o Futebol, os Perfumes importados, as Músicas, os Artistas, os Pets, o Arcondicionado... enfim, tudo que dá tanto conforto e prazer, que um jejum de comida seria a coisa mais "simplista" que alguém poderia exigir em nossos dias.

Brilhante teu texto, esse cara do MSN que te falou isso deve ser um "mala".


Bjs,

PS. Pensa...


S. Limberger

Dannilo disse...

É muito bom ver TV, mais realmente é um vicio para praticamente todas pessoas, pois tv é o meio de comunicaçao muito rápido e tem tudo que queremos ver.
Só que tudo tem um limite... há varias coisas de se fazer além de ver tv..
gosto de uma boa meditação..
=x
adoro tv, mais não fico muito tempo sentado em frente ela.. fico entediado..kk
mais conheço gente que passa horas enfrente ela..
:S
bjux
ahh sou seu fã viu.." ;) "

Priscila Miranda disse...

realmente prima a Tv é algo q nos tira toda a atenção das coisas q estao ao nosso redor...
concordo plenamente com vc,é um vicio...adoro TV,mas eu tbm vou fazer esse teste,passar + ou - uns 3 dias sem chegar perto dela,não garanto q vou conseguir,mais eu vou tentar....
tá tudo lindo aki...
beijoo

Danillo Magalhães disse...

Muito bom o texto. O triste é que algumas pessoas tentam suprir a solidão ligando a TV, assim eles têm uma "companhia", e isso tem levado ao individualismo no nosso tempo.
beijoss

Ana Francisca disse...

É verdade Glenda... o tempo é um bem muito precioso!
Ver com moderação e descontração é legal...
O problema é que muitas vezes engolimos goela abaixo informações e assuntos desnecessários e que não contribuem positivamente em nada.
Penso que aí esteja a nossa parcela de culpa, né? Parabéns! Beijo.

Cacau disse...

Glenda (ahaa acertei né?)

Então, que coisa heiim, mas que bom que desse mal não sofro!

Porém a grande verdade e o que se vê é que aquela horinha sagrada do jantar onde a família se reunia pra aquela convesa, acabou, porque cada qual pega seu prato e segue para frente da "tela mágica" e fim de papo, e ai da pessoa que se atreva em conversar na hora da novela :o

Parabens, ótimo texto e realidade de muitos

Cacau

Linda Simões disse...

Menina,gostei do texto,do blog! Parabéns!

É bem assim,mesmo.Outras direções, que não a TV.

Livros,cinema,praia(!),conversa com amigos pelo telefone,na sala de casa,na faculdade...

Temos muitas opções.


Bom domingo

jessica.silva.l disse...

Como disse a Cacau logo acima, ainda bem que desse mal eu não sofro.
Mas ja sofri,rsrsrs, e fiz o mesmo que vc, mas meu caso foi um jejum de um mês, rsrs como foi dificil, tentava fugir de tudo quanto é jeito, hooo trem que me perseguia, o povo so falava dos programas de televisão que eu mais gostava, a familia na hora da janta so sentava na frente da TV, p/ estarmos juntos era só ao redor dessa "coisa"...
Mas amém, hoje sou liberta,kkkkkk
Nem tenho tempo p/ assistir mais...

Como sempre, texto maravilhoso!!!
beijos

Ben disse...

Todas as noites, depois do jantar, na minha aldeia, as crianças sentam-se alegremente à volta da fogueira e ouvem o ancião a narrar uma estória, enquanto os adultos conversam vivamente sentados no jango (local de principal encontro). Nos nossos encontros, de noite, não precisamos de notícias, porque já todos sabem o que se passou durante o dia; e nem precisamos de entertenimento porque o meu povo não sabe o que é a distração. Por isso falamos de coisas importantes, tais como os valores da nossas cultura. Depois de conversarmos, dançamos ao som dos batuques e louvamos ao Deus da Vida, reforçando a nossa esperança Nele.
Assim vive a gente da nossa terra (Aldeia no interior de Angola)! Sem energia elétrica e sem televisão. E já agora... o que é televisão?

Shalom

Ben (tal como tu!)

Jorgephp, Psycho, Sensei disse...

Infelizmente a maioria da população vive alienada a este mal.
Tomam este eletrodoméstico como membro da própria família!
Perdem de fato, Tempo!
O mundo poderia estar bem mais desenvolvido.
Muitas idéias, de tantas pessoas talentosas, mas que são perdidas por influências ipnotizantes da mídia, vão por acabar no cemitério, como diria meu amigo "Lair Ribeiro".
O pior é que vivemos na Matrix!
Se você pensou que estou me referindo ao filme Matrix, está certo.
É desta matrix que me refiro mesmo!
Desde infância o homem é infuênciado, alienado.
Escravos, tratados como Gado.
Um exemplo:
Lembre-se da época da escola, onde sempre nos jogam as informações e que não nós ensinam a usar o cérebro de fato.
Matéria de ciências.
Se em uma prova relacionada a evolução do homem, perguntassem: O homem evoluiu do macaco?
Se respondessemos que não, pois até hoje existe macaco.
E não tem lógica nos aqui, praticamente sem pelo, racionáis, falantes etc... e o coitado do macaco?!!! Porque ainda está lá sem evolução!
Deus seria tão injusto?!
Vocês acham que essa resposta seria válida?! rs
Claro que não! A resposta é a do livro e acabou!
Isso é a dura realidade!
E a TV na verdade esta ali para formar, não informar! Claro que algo se salva! Mas muito pouco!
O importante é saber absorver o que de fato é relevante.
Sejam críticos e não percam tempo com TV.
Abraços!!!

Missionária Bella Dourado disse...

Adorei seu blog.
Televisão??? Há eu gosto, mas não sou viciada não e não é por causa de religião é porque prefiro ler, escutar música, caminhar ao ar livre - porém ultimamente minha vida é estudo e estudo.
Mas enfim e óbvio tudo que é demais faz mal, sendo assim olhe sua tv sossegada e quando o "sininho" tocar é só desligar.
Bjs