sexta-feira, 3 de dezembro de 2010

A alma do negócio


Como é bom estar apaixonado! Dá vontade de congelar alguns momentos e revive-los sempre que quisermos. Os dois parados, se olhando encantados. Um diz que tá apaixonado, o outro fica ali, quietinho e estático de tanta felicidade.
O sorriso no rosto é inevitável, incontrolável; a gente ri que nem percebe. No olhar o brilho aumenta, no peito o fogo esquenta e no corpo,  a ansiedade descontrola as reações.  Difícil dizer o que se sente quando está do lado de alguém que se gosta.
Posso dizer que estou vivendo dias de muito sentimento. Mas quase perdi a oportunidade de vivê-lo por questões de caráter imbecil e fútil.
 Quando percebi aquele homenzarrão me encarar com os olhos fixamente, juro que tentei me esconder, de tão desconsertada que fiquei. Entrei em guerra com meus  pensamentos, na mente fazia questionamentos como: será que ele tá olhando pra mim? Vou levantar o olhar e conferir. E quem disse que eu tinha coragem de encara-lo!
O pescoço travou, parecia que uma mão enorme o pressionava em direção ao chão. Pensei mais  uma vez, essa pode ser minha única chance, vou retribuir esse olhar. Bravamente tirei aqueles mil quilos de cima da cabeça e olhei. Apertei meus olhinhos pequenos devagar, abaixei um pouco o queixo, esbocei um sorrisinho lerdo, respirei fundo e pronto. Missão cumprida, imaginei (Ufa, nem foi tão difícil assim).
Agora era pagar pra ver no que é que dá. Uma semana se  passou e lá estava eu, sentada num banco de praça rindo escandalosamente alto, abraçando e sentindo aqueles braços enormes me protegerem e me libertarem de uma solidão amarga e triste, que a muito tempo insistia em me acompanhar.
E pensar que tudo isso não estaria acontecendo se aquele olhar não fosse, devidamente, retribuído. Não sei se estou certa, mas pra dar lugar ao amor o orgulho tem que procurar outro lugar pra habitar. Nós mulheres às vezes nos fechamos que nem ostras, e depois nos enterramos num sofá e descontamos em potes de sorvete a nossa condição de solteira. Culpamos os homens por sua falta de atitude, quando nós é que impedimos a aproximação.
Não sou uma expert em relacionamentos, mas uma coisa minhas experiências me ensinaram, que essa mão opressora que às vezes te segura e te impede de retribuir alguma manifestação de vontade precisa, e tem que ser banida de nossas vidas. Retribuir não significa que você é oferecida mulher! Mas é sim, uma questão de educação, além de ser a Alma do Negócio.
Corresponder é a senha para a aproximação, feito isso, o caminho fica livre para a conquista, o coração fica atento a qualquer movimento e pronto pra qualquer situação. É tempo de se apaixonar, deixe a vida te ensinar o que ela sabe...
Isso é bom demais!

'Glenda Barros

16 comentários:

Carlen disse...

Aooooooooooooooo Goiás, aí é paixão pra mais de metro sô rsrss.....bjs!!!

AC disse...

Glenda,
Tal como você diz, como é bom estar apaixonado!
Frua, minha amiga, frua, que esse doce sentimento é para ser vivido com intensidade.

Beijo :)

M. Sueli Gallacci disse...

Ahhh o amor é lindo! Vc deve estar com a pele ótima, e aquele brilho faiscante no olhar... E as tais borboletas no estômago? Aprisiona elas aí, e que dure uma eternidade!

Bjos tbm prô moço sortudo!

Madonna disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Madonna disse...

Como eu queria sentir isso novamente, como gostaria de me apaixonar novamente. Acho que sou uma dessas mulheres que se fecham que nem ostras, mas faço isso por medo, pois já sofri demais e continuo sofrendo!

Belo texto Glenda, você sempre expressa muito bem sua opinião! Parabéns mesmo!!!

Postei outro texto, no meu blog, diria até que é o oposto do seu, dá uma conferida se quiser:

www.ameninaquesacudiapalavras.blogspot.com

Preguiça alheia disse...

Indiquei seu site a 3 selos.. sei que esta prêmiação é por indicação e não conta para alguns.. mas somente pelo simples fato de ter colado seu blog.. nos sites indicados.. espero que fique feliz.. pois você foi lembrado!!

Ver selos.. vá no blog

Abraço,
P.A.
_______________________________
www.preguicaalheia.blogspot.com

André Brito Oficial disse...

Gosteii muito do seu Blog, muiito legal msmo ein!!! =D
Já estou seguindo vc! Se kiser pode me seguir tbm ^^ agradeço rsrs....valew...
e se kiser posso divulgar tbm seu Blog no meu ^^
E-mail andrebritooriginal@yahoo.com.br

________________Blog_______________
http://andrebritooficial.blogspot.com

Lufe disse...

Se você não se mostrar receptiva e não se sentir aberta aos relacionamentos, a sua atitude afasta as pessoas....
O fato de demostrar ou verbalizar o bem querer não nos torna mais frageis perante o outro.
Quem não se permite, não se deixa gostar.....

bjos

Missionária Bella Dourado disse...

Hum!!!!! Delícia! Adoroooooo

Eu sei como é estar apaixonada- às vezes digo para as colegas da faculdade que acordo e fico ali apreciando o meu marido dormir, e elas dão muita gargalhada e dizem "Mas isto é coisa de namoro novo", não tô nem ai ... o amor prevalece,mas a paixão não morreu, e espero que ela permaneça até quando Deus quiser.

Ame e se permita ser amada é ótimo, evita rugas, e faz bem para Alma.

bjs no coração e Seja Felizzzz

Tais Luso disse...

Oi, Glenda, como é bom a gente ser sincera! Seu texto ficou maravilhoso porque conta as verdades do ser humano, nossas dificuldades e a cruz que muitas vezes carregamos e que não precisava. Nosso fardo não pode ser tão pesado. E o que é um olharzinho, né? Pode ser a porta para muitos de nossos problemas, como a solidão. Bem que com tanta liberdade que anda por aí, acredito que até haja muita retração... Não queremos ser tachadas do que não somos. E aí não dá.
Mas como sempre, texto delicioso. Espero que você esteja vivendo muitoooooooobem!

beijão
tais luso

Cláudia disse...

Paixão move a vida. Estar apaixonada deixa o olhar brilhante, o sorriso estampado no rosto. Faz bem pro corpo e pra alma. Aproveite esse estado de graça e escreva coisas lindas, do jeito que você sabe fazer. Fico muito feliz por você!

Tem novas crônicas nos meus dois blogs, passe por lá!

Beijo,

Cláu

Priscilla disse...

Querida, tem selo pra ti no meu blog!
Dá uma passadinha lá
Um grande beijo!
http://passionalidade.blogspot.com/

Alexandre Júlio disse...

Oi Glenda, apaixonada!

Meus parabéns por essa grande vitória, vencendo o peso esmagador dessa mão que teima em fazer tantas mulheres infelizes!.......

Eu bem lhe tinha dito, que este momento, aparecia quando menos se espera, fico muito feliz por si.

Adorei o correr delicioso da sua pena, como tem o dom de nos levar até ao banco ao lado, onde se desenrrola a novela, Uauuuuuu!

Faço votos que esses momentos inolvidabeles, tenham Replay, Replay muitas vezes pela vida fora.

Um beijinho, deste Portugal longínquo, Alex.

William disse...

Belo depoimento Glenda.
Paixão realmente supera tudo. A cumplicidade do casal gera momentos marcantes e inesquecíveis.
Boa semana pra ti.

Preguiça alheia disse...

Tem + 3 selos de presente pra você no meu blog.

Abraço,
P.A.
_______________________________
www.preguicaalheia.blogspot.com

Daisy Brazil disse...

UUUfa!!!
Pensei que eu fosse meio multante, ET ou coisa parecida, pensei que não existi-se pessoas como eu, me enganei rsrs pois temos maneiras de pensar muito parecidas, captamos detalhes que gente comum deixa passar despercebido. Tantas coisas acontecem durante o dia e os olhos do rosto não enxerga, somente quando passamos a enxergar com o coração é que as coisas acontecem e entre elas o AMOR. e são tantos os tipos de amores.
O mais lindo é o amor de mão igual a este não existe. Logo apos este é o amor a si mesmo, só amando a gente mesmo é que damos passagem para outros amores, a paixões, a momentos que se desse congelariamos sim, só pra ficar ali comtemplando a felicidade de viver e estar junto de alguem.
Eu sou apaixonada. Apaixonada por mim, pela vida, pela minha familia, pelos meus três filhos Leonardo, Giovanna e Gabriel, Sou Apaixonada pelo marido Eduardo ePrincipalmente sou Infinitamente apaixonada por DEUS, pois sem DEUS, não existe amor, paixão, nada , nada existe sem DEUS.
Obrigado, por ter feito este blog, pois seu textos sua maneira de pensar é simplismente magnifica e abensoada.
Fique com DEUS. Att. Daisy